sábado, 9 de outubro de 2010

Reparei que aqueles que deixem estão bem mais felizes sem a minha presença e, apesar de ter saudades e de querer voltar, não posso. o orgulho fala mais alto.

O orgulho, esse põe-me doente.
A noite começou com chuva a escorrer nos vidros e a cair no chão, tal como as minhas lágrimas, a escorrer na face e a cair sobre as teclas do computador. Já não aguento, quero voltar, quero. Tenho saudades do esférico, das fintas, dos golos, da magia.



e voltei a vê-lo. tenho saudades tuas e do teu corpo quente junto ao meu.

4 comentários:

  1. VOU FINGIR QUE (NÃO) SEI DO QUE ESTÁS A FALAR :O

    ResponderEliminar
  2. Que mal querida :S, mas às vezes para sermos felizes temos de engolir o orgulho. Mas eu percebo-te, eu também sou muito orgulhosa

    ResponderEliminar
  3. junta-te ao clube das orgulhosas, bem-vinda a este meu (nosso) mundo mais perfeito e lindo e mágico que ninguem suporta $: OA! (adivinha só :c )

    sabes, as pessoas que nos deixam sao aquelas que nao merecem nada de nós e nao valem nem metade do que fazemos por elas, sabes? e afinal de contas, aqueles que merecem as tuas lagrimas sao aqueles que nunca te fariam chorar!
    Essas pessoas nao sabem a pessoa que és, pelos vistos, nao sabem a miuda especial que és, não têm valor porque não te têm com eles.

    e sabes, eu nunca te vou deixar.
    Prometido!

    (L)
    e sim, mim gostar de tim :')

    ResponderEliminar