quarta-feira, 9 de março de 2011

Custa

Custa muito dizer que não dá. Custa muito saber que sentes o mesmo que eu, mas que as hipóteses são muito remotas.
Achar que amar não chega. Pensar que é preciso bem mais que amor, para conseguirmos resultar. E é por isso que não resulta, porque só há amor. Não há confiança, há controlos e ciúmes.
E o que mais custa, é dizeres que estás a sofrer e que a culpa é minha. Que quem tem a culpa de não resultar sou eu, quando eu dei tudo por tudo por nós e ainda sofri com isso.

Custa a crer e a acreditar que penses assim.
E custa ainda mais continuar a sentir o que sinto, e nunca dizer aquilo que quero dizer:
«amo-te»

2 comentários:

  1. já te disse o que penso ...
    mas..
    ó qéé, SEM CONFIANÇA NÃO HÁ AMOR. COM CONTROLOS NÃO HÁ AMOR. por isso, se houver amor, não sei onde ele anda --. wtv..

    say fuck you and smile, rapariga (: «3

    ResponderEliminar